Turbina eolica

dispositivo capaz de converter a energia cinética do vento em energia mecânica usada para produzir energia elétrica, com o uso de um gerador. Há dois tipos de turbinas eólicas: turbina de eixo horizontal – as hélices sobre um eixo central horizontal; e turbinas de eixo vertical – as lâminas giram sobre um eixo central vertical. Há geradores eólicos de diversos tamanhos, chegando a até 100 metros de diâmetro, capazes de atingir dezenas de MW de potência. Quando instalados em conjuntos em grandes áreas, têm-se as chamadas “fazendas de vento”, capazes de abastecer cidades inteiras com energia elétrica limpa e renovável. Em pequenas edificações, sistemas eólicos domésticos podem produzir boa parte da energia elétrica consumida e há projetos de edifícios que prevêem a instalação de geradores eólicos incorporados na sua arquitetura, tanto de eixo de vertical como horizontal. Estes sistemas poderão, contribuir para atender a grande parte da demanda do próprio edifício ou mesmo injetar energia elétrica na rede pública para antecipadamente compensar o consumo do edifício. Assim, seria possível tornar o edifício se não independente, pelo menos à auto-suficiente em relação à energia elétrica, compensando-se o consumo com auto-produção, em função da variação da demanda no tempo.

Powered by